quinta-feira, 17 de janeiro de 2019

Pico e Vulcão da ilha do Fogo

Em breve estarei de novo lá perto: Praia, Santiago. Desta vez vou lá. É o ponto mais alto de Cabo Verde.


quarta-feira, 9 de janeiro de 2019

indo no tempo certo

"Há um tempo em que é preciso abandonar as roupas usadas, que já tem a forma do nosso corpo, e esquecer os velhos caminhos, que nos levam sempre aos mesmos lugares. É o tempo da travessia: e, se não ousarmos fazê-la, teremos ficado, para sempre, à margem de nós mesmos."

Fernando Pessoa
( copiado de post da amiga Martins Gi)

terça-feira, 8 de janeiro de 2019

Economia Mundial

O Relatório do Banco Mundial aponta desaceleração da economia global e prevê para este ano taxa de 2,9%, em recuo sobre previsões anteriores. Atualizações são, como habitualmente, esperadas durante o período. A economia dos Estados Unidos dá sinais de novas dificuldades e pode ficar por um crescimento de 1,6%. As conversações entre delegações norte-americana e chinesa, em Pequim, previstas para terminar hoje vão estender-se por mais um dia. Pode ser boa noticia. Ainda no Relatório do Banco Mundial, a previsão de alta no per capita de África Subsaariana é de 1%, insignificante prante as necessidades básicas da região.

Para acompanhar Angola e Economia vale entrar no blog da minha amiga Neusa www.neusaesilva.blogspot.com

segunda-feira, 7 de janeiro de 2019

A Vida no começo de 2019


Rahaf M. Al-Qunun, 18 anos, saudita, fugiu da família para pedir asilo na Austrália. Motivo:a família já lhe tinha imposto muita repressão ao longo da vida e agora podia ir até ao assassinato. Rahaf tinha renunciado à religião, deixou de ser muçulmana. Na rota de fuga fez escala em Bangkok, onde quiseram que ela voltasse para  a família. Resistiu, até se barricou no hotel e finalmente as autoridades tailandesas deixaram-na ficar sob responsabilidade do Alto Comissariado da ONU para os Refugiados. Grande vitória dos direitos humanos.
O Globo de Ouro deste ano foi atribuído ao filme "Bohemian Rhapsody", numa noite com surpresas e, sobretudo, preparação para os Óscares.
Cinco militares comandados por um tenente, tomaram a Radio oficial no Gabão e anunciaram a queda do regime. Três foram presos e dois mortos. A oposição - que se queixa de grande fraude eleitoral em 2016 - diz que isto traduz alto grau de descontentamento.

sábado, 5 de janeiro de 2019

Emergências

Trump ameaça decretar emergência nacional se não obtiver verba orçamental para construir muro na fronteira mexicana e diz que pode prolongar por muito tempo o shutdown da administração Federal. Se as coisas forem para esse terreno muita gente de poder vai sentir-se inspirada.
Na Alemanha revelação de grande invasão dos computadores dos políticos. O caso era conhecido de ciberespecialistas que não disseram nada. Em seguida disseram não ter tido ideia da extensão da piratagem.
 Na RD Congo a Comissão Eleitoral atrasou por uma semana a publicação dos resultados. A Igreja Católica afirma já saber quem foi eleito e a oposição receia preparativos de fraude. Muito provável.

Pinus Erectus

O prazer da leitura - não para repressores/as, nem hipócritas.
A capa e uma das autoras, Dill Ferreira. Edição atualizada de 2018.

quinta-feira, 27 de dezembro de 2018

Namibia

País da África Austral, considerado o mais seco do mundo mas, mesmo assim, garante um nível de abastecimento de água muito superior a países próximos com grandes mananciais. Após a brutal colonização alemã, passou por estar sujeito décadas á administração pela África do Sul do apartheid. Deste periodo herdou a ligação ao Rand como garantia da sua moeda, o dólar namibiano. Mas a moeda sul-africana está em instabilidade constante, sobretudo após Jacob Zuma ter feito uma sequencia de nomeações e exonerações de ministros das Finanças em poucas horas. Zuma caiu mas o Rand não melhorou. Assim, o ministro das Finanças da Namíbia, Calle Schlettwein, anunciou intenções de conceber a sua moeda de outra forma. Aqui está um projeto interessante que vou acompanhar, até porque conheço bem a Namibia e gosto muito deste país.
Foto do ministro: